segunda-feira, março 08, 2010

PARA ENTENDER UMA MULHER

Para entender uma mulher
é preciso mais que deitar-se com ela…
Há de se ter mais sonhos e cartas na mesa
que se possa prever nossa vã pretensão…

Para possuir uma mulher
é preciso mais do que fazê-la sentir-se em êxtase
numa cama, em uma seda, com toda viril possibilidade… Há de se conseguir
fazê-la sorrir antes do próximo encontro

Para conhecer uma mulher, mais que em seu orgasmo, tem de ser mais que
amante perfeito…
Há de se ter o jeito certo ao sair, e
fazer da saudade e das lembranças, todo sorriso…

- O potente, o amante, o homem viril, são homens bons… bons homens de
abraços e passos firmes…
bons homens pra se contar histórias… Há, porém, o homem certo, de todo
instante: O de depois!

Para conquistar uma mulher,
mais que ser este amante, há de se querer o amanhã,
e depois do amor um silêncio de cumplicidade…
e mostrar que o que se quis é menor do que o que não se deve perder.

É esperar amanhecer, e nem lembrar do relógio ou café… Há que ser mulher,
por um triz e, então, ser feliz!

Para amar uma mulher, mais que entendê-la,
mais que conhecê-la, mais que possuí-la,
é preciso honrar a obra de Deus, e merecer um sorriso escondido, e também
ser possuído e, ainda assim, também ser viril…

Para amar uma mulher, mais que tentar conquistá-la,
há de ser conquistado… todo tomado e, com um pouco de sorte, também ser
amado!”


Carlos Drumond de Andrade

11 comentários:

Eva Gonçalves disse...

Que trabalheira dá! Que canseira... :) Belo poema! E a verdade, é que continuam a dizer, que não as compreendem... vá-se lá saber porquê... beijinhos

Luz disse...

Miguel,
Excelente escolha! Um dos meus poetas e autores! tanto que já o partilhei e partilho sempre, leio-o, devoro os seus escritos, as suas palavras que entranham em quem as lê.
Obrigada por o trazeres aqui :)

Abraço de Luz

Há.dias.assim disse...

Drumond, pois então!

pink poison disse...

Excelente escolha, parabéns! como mulher, admito, sou complicada mas deve ser feitio e não por ser mulher. Beijoca

Sonhadora disse...

Meu amigo
Um belo poema...adorei.

Beijinhos
Sonhadora

Milhita disse...

Poema bonito
Pretensão tão grande... Entender as mulheres.
Tenho a sensação que o caminho para me entender é ainda tão sinuoso. talvez por isso, me encante!
Sinto-me bem neste sitio
Um abraço amigo!

Dri Viaro disse...

Lindo texto, gosto muito de Carlos Drummond
bjss

Isa GT disse...

Confesso que prefiro a prosa à poesia, no entanto não resisto a dizer que, se já é difícil o conhecimento de nós próprios, sempre em constante mutação, isto de querer entender as mulheres, ou vice-versa, é, mesmo, uma missão impossível.
Servirá, felizmente, como tema infindo, para os artistas interpretarem.

Pétala_Rosadinha disse...

Bela escolha, Miguel. Quem dera ao menos metade dos homens tivessem tal sensibilidade demonstrada por Drummond no poema.

Beijos e bom dia!

Síndrome dos Trinta disse...

Muito bom, mais ainda porque o autor é homem! E Drumond escreve maravilhosamente bem.

reginaldo disse...

Ola ! bém verdade... belo poema, gostei do blog , abraço.