sábado, fevereiro 07, 2009

UM DIA...


Um dia...
ainda vou viver uma vida minha,

vou encher os espaços vazios
dar cor e luz, preencher de vida
os cantos escuros e obscuros
da minh'alma insane e cobarde.

Um dia...
vou buscar-te,

como quem procura um sorriso,
desses que a gente dá sem motivo;
vamos reinventar a história,
redefinir um sentido para o amor,
sem idade, nem tempo, sem limites,
sem grades ou sequer receios.

Um dia...
um dia vais ver,

vamos dar vida aos sonhos,
vamos soltar âncoras, vamos fugir
deste mundo feio e triste;
vamos-nos perder
vamos-nos encontrar.

5 comentários:

Elsa Santos disse...

Hoje é dia de eu só ler coisas lindas... parabéns Miguel...

Miguel disse...

fico grato de ter podido contribuir, mesmo que por um bocado que fosse, para um bom momento. Um bj cheio de amizade.

Joanie disse...

O que posso dizer? É Lindo!
Deixas-me copiar?

Miguel disse...

depois de um elogio desses, como não?

Ângela Jorge disse...

Muito Lindo este Poema, como sempre um Romântico, tudo de Bom Miguel,beijocas